Conte sua própria história

16 06 2008
“Em uma pequena loja de Berlim, na Alemanha, é possível encomendar livros nos quais o cliente é o personagem principal. Wäser e sua equipe de escritores escrevem histórias feitas sob medida de acordo com os desejos dos clientes: o cenário, a época, o estilo, o tema, o número e a personalidade dos personagens, tudo pode ser sugerido ou determinado pela pessoa que faz a encomenda.”

Pois é, lendo esta reportagem lembrei que uma vez saindo da escola de meu filho, recebi um panfleto que vendia algo parecido, livros infantis onde você poderia inserir seu filho em uma história pré-escrita, e o personagem ganharia a personalidade e o nome do seu filho, achei aquilo muito interessante. Aí fico pensando: a diferença das coisas está no local onde você mora, e nas pessoas que apostam na sua idéia, tenho certeza de que se a iniciativa do livro infantil fosse em outro país ela seria vista com outros olhos. É uma pena ver que boas idéias muitas vezes esbarram na falta de incentivo e credibilidae no nosso país, mas por outro lado fico feliz sempre em ver que pelo menos boas idéias existem, e quem sabe daqui a algum tempo possamos ver vingar muitas delas, que não deixam nada a dever com o que vem de fora.

Por: Renata Fernandes. Fonte da reportagem aqui.


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: